Aliança Vermelha PT realiza encontro amanhã para chancelar apoio a Rubens Jr


Na oportunidade, os filiados também estarão escolhendo o vereador Honorato Fernandes para ser o vice no projeto rumo ao Palácio La Ravardiere

O Partido dos Trabalhadores vai se reunir nesta sexta-feira (11), para definir a forma de participação nas eleições municipais de São Luís e já é dada como certa a vitória da tese da aliança com o PCdoB. Na oportunidade, os membros do Diretório Municipal também estarão escolhendo o nome do vereador Honorato Fernandes, presidente do partido, para ser  o companheiro de chapa de Rubens no projeto rumo ao Palácio de La Ravardiere.

Conforme prevê o regulamento do PT, o encontro começa com a discussão sobre as teses apresentadas, sendo que a de aliança com o PCdoB conta com o apoio de mais de 85% dos delegados. Em seguida será a vez dos filiados escolherem o companheiro que será o vice na chamada “aliança vermelha“.

UNINDO FORCAS

Até o momento, sem sombra de dúvida, o vereador Honorato Fernandes é o melhor vice de todos os pré candidatos a prefeito de São Luis. Evidenciando muita coragem e confiança no projeto que estará inserido de maneira direta a partir de amanhã (11), quando terá o aval dos seus pares, o parlamentar abrirá mão da reeleição para o Legislativo, que era dada como certa.

Nos últimos oito anos, Fernandes se destacou entre os seus pares. Embora seja considerado um político apaziguador,  dono de um discurso forte e um espírito aguerrido, ele sempre esteve participando das discussões no Parlamento Municipal que tinham como foco as lutas coletivas dos segmentos populares.

O exímio conhecimento nos problemas sociais da Grande Ilha, sem contar, ainda, na rotina administrativa do Executivo, foram alguns dos fatores que contribuíram para que o edil fosse o escolhido, já que não é um “peso morto”, como os demais nomes para vice até então apresentados. Na Câmara, Fernandes participou de maneira direta e decisiva de todos os grandes debates, incluindo, a licitação dos transportes, as aprovações da LDO, LOA, PPA e tantos outros temas de relevância para São Luís.

Analista de sistema e especialista em gerenciamento de projetos, com formação pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA), Honorato Fernandes é o único representante na Câmara Municipal de São Luís pelo Partido dos Trabalhadores – PT.  Um típico ariano, regido por Marte e com o fogo como elemento, o vereador tem como principais características a impaciência, impulsividade, intensidade, honestidade e lealdade.

Apesar do forte vínculo com o petismo desde os primeiros anos de vida por conta do ativismo político da mãe, a professora Iêda Batista, o vereador só se filiou oficialmente ao PT em 2011. Em 2012, encarou o primeiro vestibular das urnas, elegendo-se vereador com 3.664 votos. 

Em 2016, experimentou um crescimento de quase 30% no eleitorado, em um fato inédito na história do partido em São Luís, uma vez que foi reeleito com 4.609 votos. Já em 2018, quando foi candidato a deputado estadual, obteve mais de cinco mil votos só na ilha, ficando na suplência.

FORÇA DO PT E LULA

A escolha do PT para compor a chapa com o PCdoB tem uma razão plausível, ou seja, em nenhum estado da federação o Partido, que tem em Lula sua maior estrela, é tão bem avaliado como no Maranhão. Essa premissa fica clara quando avaliamos os números na eleição de 2018.

Dos 217 municípios maranhenses, o candidato petista Fernando Haddad venceu em 214, abocanhando um total de 61,26% dos votos. Em São Luís, carinhosamente chamada de Ilha Rebelde, a situação não foi muito diferente.

Nas seis zonas eleitorais ludovicenses, Haddad venceu em quatro, obtendo 45,67% dos votos. Ou seja, o apoio do PT poderá interferir no resultado da eleição em São Luís.