Brasil supera EUA em mortes de covid-19 por 100 mil habitantes


O Brasil superou nesta quarta-feira, 26, os Estados Unidos no número de mortes causadas pelo novo coronavírus (covid-19) por 100 mil habitantes. De acordo com dados da universidade americana Johns Hopkins, o país apresenta 55,05 mortes e os EUA 54,18. As informações são do Estadão.

O Brasil ocupa o 10º lugar no ranking de mortes por 100 mil habitantes.  San Marino está no topo, com 124,32 mortes. Em seguida vem a Bélgica (87,51), Peru (86,48), Andorra (68,83) e Reino Unido (62,44). 

O Brasil está próximo dos números da Suécia (57,08) e Itália (58,65).

Especialistas ouvidos pelo Estadão apontam que Brasil e Estados Unidos mostraram trajetórias similares no início do enfrentamento à pandemia, mas depois se distanciaram. 

“No início da pandemia, os dois países tinham déficit na capacidade de exames, mas os EUA conseguiram aumentá-la. Eles adquiriram respiradores e máscaras, em alguns casos de maneira até questionável. Mas se preocuparam em acumular recursos para enfrentar a pandemia. O Brasil continua com déficit na capacidade de exames”, diz o virologista Rômulo Neris, mestre em Microbiologia pela UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro).

Números da covid-19 no Brasil 

Até ontem, o Brasil registrava 3.669.995 casos confirmados do novo coronavírus, com 116.580 mortes, de acordo com o Ministério da Saúde.