Corrupção: Filho de Ocileia recebe 13 mil por mês sem trabalhar


"Do Auxílio Emergencial ao supersalário em Brasília ". Assim podemos definir os casos polêmicos envolvendo membros da família do ex-prefeito do município de Raposa, Onacy Vieira Carneiro, o Paraíba.

Depois que o advogado Onacy Vieira Carneiro Júnior e sua sobrinha Thais Fernandes Carneiro apareceram na lista dos que receberam o Auxílio Emergencial pago a pessoas de baixa renda, que precisam da assistência financeira na pandemia, agora é o estudante Arthur Carneiro Silva, filho da pré-candidata a prefeita Ocileia Fernandes Carneiro (PSDB), que surge em meio às denúncias de supersálarios no Congresso Nacional. 

De acordo com mensagens e documentos que circulam em grupos de WhatsApp, Arthur Carneiro teria sido nomeado na Câmara dos Deputados com vencimento bruto de R$ 13.997,21. Ou seja, a remuneração é maior que o salário pago à prefeita da cidade onde a mãe dele sonha em administrar. 

De acordo com o portal transparência do município, a chefe do executivo raposense recebe um subsidio de R$ 12 mil reais, com uma diferença de R$ 1.997,21 a menos do que o filho de Ocileia teria recebido. 

Curioso, é que mesmo nomeado em Brasília e constando na folha de pagamento da Câmara Federal, Arthur Carneiro estaria batendo ponto em outro endereço: em Imperatriz, interior do Maranhão.

A reportagem apurou que ele é estudante de medicina do Campus da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) na cidade imperatrizense. Como o curso dele é campeão de suspeitas de fraude nas cotas na UFMA, estamos iniciando uma investigação detalhada para saber se o herdeiro da pré-candidata raposense ingressou ou não por suposto esquema fraude de cotas. Ser não for homônimo, o caso pode trazer graves consequências o funcionário beneficiado. Aguardem!